domingo, 31 de maio de 2009

Grupo "Viver (n)a Maia" deixou um novo comentário na sua mensagem "Viver na Maia 29 de Maio de 2009":


Querido Senhor João,

Obrigada por tudo:

Pelo seu contributo indispensável,
Pelo seu testemunho,
Pela sua experiência,
Pelo exemplo incrível,
Por ser uma inspiração,
Pelo carácter íntegro,
Pela força e dinamismo,
Por não baixar os braços,
Por lutar por uma sociedade mais justa,
Pela prestabilidade e disponibilidade,
Pelo sentido do humor e alegria,
Pela amabilidade, simpatia e disponibilidade,
Pela amizade.

Este trabalho despertou-nos para uma realidade à qual ainda não tínhamos dispensado a atenção necessária e que merece. Dizer que foi enriquecedor é pouco. Dizer que foi importante é pouco. Foi FUNDAMENTAL este trabalho, a todos os níveis. Sentimos que temos uma responsabilidade a nosso cargo: lutar por esta causa. Todos os jovens têm de senti-la e transformá-la em acção, intervenção, mudança! Era tão importante que os jovens ouvissem, vissem e contactassem com pessoas como o Senhor João, para ter uma outra compreensão do que é a deficiência. Era importante que o Senhor João partilhasse todo o seu conhecimento, informação, experiência e testemunho.

Senhor João, assim como esteve sempre aqui para nós, estaremos sempre aqui para si. Qualquer projecto que precise do nosso envolvimento. Qualquer levantamento de barreiras arquitectónicas que exija a nossa participação. Qualquer causa que implique a nossa intervenção.

Este trabalho não acabou na apresentação. Este trabalho foi uma ponte para uma maior intervenção cívica da nossa parte. Este trabalho abriu portas que nunca mais queremos fechar, Senhor João.

Por favor, nunca baixe os braços (nós sabemos que não).

A admiração por si está mais que redobrada.

PS: falou muito bem na apresentação, tocou nos pontos fulcrais

Um grande abraço do grupo. Pode continuar a contactar-nos pelo email do grupo (também pode adicionar o email: ana_camacho_2_@hotmail.com)


Publicada por Grupo "Viver (n)a Maia" em A MAIADEFICIENTE a 31-05-2009 2:30

1 comentário:

Joao Couto Lopes disse...

Estimados alunos,

Obrigado pelas palavras que dedicam, mas são vocês jovens com o vosso empenho por esta causa das acessibilidades que me inspiram e me dão forças para lutar contra tantas adversidades.

Pela amizade, pela juventude de futuro, pela questão humana que colocaram na causa das barreiras arquitectónicas.

O Grupo vai estar sempre no meu coração,